Grupo de trabalho fecha acordo entre BRB e servidores endividados

Com participação firme e assertiva da deputada Paula Belmonte, enfim, o Banco de Brasília lança programa que atende os servidores públicos do GDF com dívidas no Banco

Em 05 de dezembro de 2023 – Redação

Após meses de muita negociação em vão, felizmente, uma ação decisiva da Comissão de Fiscalização, Transparência, Governança e Controle (CFTGC) da Câmara Legislativa, presidida pela deputada Paula Belmonte (Cidadania), traz um alento para mais de 30 mil servidores públicos do GDF, que há anos sofrem para renegociar e quitar as dívidas com o BRB. Coordenadora do Grupo de Trabalho criado pela Comissão, a distrital teve a sensibilidade e pulso firme para conduzir os trabalhos com uma força-tarefa envolvendo representantes dos superendividados, defensoria pública, parlamentares membros da Comissão e o presidente do BRB, Paulo Henrique Costa.

Felizmente, agora conseguimos um feito que esses servidores aguardavam há anos, que é serem tratados com dignidade pelo Banco e mais que isso, serem respeitados! Afinal, muitos sequer conseguiam sacar o salário, que já era confiscado pelo Banco, assim que caía na conta-salário”, esclarece a deputada. Agora, segundo ela, o BRB cumpre o acordo mediado pelo Grupo de Trabalho e acaba de lançar o programa “Crédito na Medida”, especialmente para atender esses servidores públicos com comprometimento de renda mensal acima de 40%, em função do endividamento com o Banco.

Segundo Paula Belmonte, que assumiu o compromisso com os servidores públicos do GDF no começo de outubro deste ano, quando ouviu relatos chocantes de endividados que não tinham mais acesso ao salário e se viam obrigados a recorrer a familiares e até mesmo a contrair mais dívidas para sobreviver. “Felizmente, com o trabalho do Grupo, que realizou cinco reuniões com o presidente do BRB até fecharmos acordo, foi possível vencer essa batalha, com o anúncio desse novo programa para os superendividados”, se emociona a deputada e antecipa que continuará atenta, acompanhando de perto o desdobramento dessas medidas anunciadas.

O programa “Crédito na Medida”, entre outros benefícios, assegura aos servidores endividados o respeito ao limite de até 40%, imposto pela Lei distrital 7.239/2023, de autoria do deputado Roosevelt, para os descontos mensais em conta. O pacote com medidas que atendem esses servidores públicos também inclui agências com espaço especializado para o atendimento desses servidores, com equipe treinada. Além disso, o Banco vai disponibilizar cursos de educação financeira em formato digital (e-books), entre outras medidas.

 

17 comentários sobre “Grupo de trabalho fecha acordo entre BRB e servidores endividados

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *