A triste realidade dos Policiais (veja vídeo) e relato de um sobrevivente

Em 27 de Setembro de 2020 – Redação com informações YouTube

Foto Internet

Em um vídeo publicado ontem (26/09) nas redes sociais da Polícia Militar do Estado do Rio de Janeiro (PMERJ), o 3º Sargento Sacramento da PMERJ, relata a angústia, sofrimento e cenas de um confronto com marginais de uma favela na cidade do Rio de Janeiro.

O Sargento Sacramento entrou por engano na comunidade Cidade Alta, em Parada de Lucas, no Rio e foi atacado por traficantes da área. Durante confronto, o PM baleou um criminoso e matou outro que portava um fuzil.

O policial só percebeu que estava entrando numa área conflagrada quando se deparou com barricadas e homens armados. Neste momento, o PM entrou em confronto com os bandidos, vindo a balear um deles.

Após virar alvo de diversos tiros de fuzil, eles desembarcou de seu carro, se escondendo em uma residência. Um criminoso tentou invadir a casa para matar o policial e acabou sendo morto pelo militar.

No vídeo o Policial agradece a Deus, a seus colegas e ressalta o medo de moradores da comunidade dos marginais que lá se encontram. Uma frase chama a atenção: “Quem não tem que estar nas ruas, são os marginais da lei, nós (policiais) temos que andar livres em todo o território nacional” , relata também o que é feito quando se pegam um policial nessas áreas (Arrastar no asfalto e queimar).

Veja o vídeo abaixo o relato do Policial e entenda o que passa esses honrosos homens da lei.